Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Assinatura eletrônica acelera fechamento de negócios

Assinatura eletrônica acelera fechamento de negócios
11:00 am ,8 de setembro de 2017

Já pensou em assinar contratos importantes, laudos, procurações e até abrir empresas sem precisar fazer uma verdadeira maratona em cartórios e outros órgãos? Isso é possível com a tecnologia da assinatura eletrônica, que tem validade jurídica e permite que a pessoa certifique os documentos sem precisar sair da frente do computador.

Isso ajudou o empresário Cirano Vicelli, que é de São Mateus do Sul. Ele precisou alugar um imóvel em Curitiba, mas não podia deixar sua loja por dias para resolver o assunto. Com a possibilidade da assinatura eletrônica no contrato de locação, em menos de uma semana as chaves estavam com ele. “Eu nem sabia que essa tecnologia existia e foi tudo muito simples e fácil de entender. No meu caso foi um alívio, já que se eu tivesse que fazer tudo pessoalmente teria que pegar a estrada para ir ao cartório e só nisso ia perder umas quatro horas e um dia de trabalho”, conta

Justamente para encurtar o caminho entre escolher o imóvel, assinar o contrato e pegar as chaves, a Gonzaga Aluguel disponibiliza a assinatura eletrônica para contratos de locação. Até então, mesmo com o processo quase inteiramente feito de maneira digital, era necessário que, na hora de assinar o contrato final, o processo fosse validado só depois do reconhecimento como verdadeiro da assinatura no contrato.

“Era preciso abrir mão de outros compromissos para fazer essa etapa. Agora, com a assinatura eletrônica, a pessoa vai economizar tempo e o dinheiro que era gasto com a documentação no cartório”, salienta a diretora-presidente da imobiliária, Marília Gonzaga.

Para fazer a autenticação da assinatura, o locatário recebe um código junto com o contrato para fazer a certificação no site de uma empresa especializada. “O sistema consegue rastrear o código do IP do aparelho no qual o processo está sendo feito, o que garante a segurança do procedimento. Além disso, a pessoa pode obter a certificação da assinatura até pelo seu celular”, reforça a diretora.

Abertura de empresas
Outra entidade que pretende implantar a assinatura eletrônica nos seus processos é a Junta Comercial do Paraná (Jucepar), responsável pela abertura, alteração e fechamento de empresas no Estado. O arquivo de documentos do órgão já tem mais de 30 milhões de folhas de papel. “Além de reduzir o número de documentos impressos e acelerar os procedimentos, a assinatura eletrônica vai dar mais segurança jurídica aos empresários, uma vez que o processo exige uma certificação digital que possui validade jurídica”, explica o presidente da Junta Comercial, Ardisson Akel. A entidade estuda como implantar a novidade, que também prevê a digitalização de todos os documentos em papel que serão guardados em um Centro de Documentação a partir do ano que vem.

Comentarios

Comentarios

Copyright © 2015 WEspanha. Todos os direitos reservados