Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Cyber-Business: a importância da segurança da informação

Cyber-Business: a importância da segurança da informação
11:03 am ,19 de agosto de 2019

O mundo de hoje pode ser chamado de futurista. As grandes imagens feitas pela ficção científica no séc. XX estão se tornando realidade no séc. XXI, ainda que não exatamente da maneira visualizada nessas obras. Afinal, o fato da maioria da população andar com um “android” no bolso não passaria despercebido pelos escritores que imaginavam um futuro repleto de robôs domésticos e inteligência artificial.

O uso do marketing e a ideia de que pequenos processos cotidianos serão feitos a partir de uma matriz de dados mundial são a realidade do séc. XXI, especialmente quando é visto no papel de gigantes como o Google, que trabalham com big data e processos sofisticados de inteligência artificial.

De fato, pode-se dizer que a área de tecnologia avançou tanto, em um ritmo vertiginoso, que é difícil acompanhar todas as mudanças que ocorrem em tempo real. O mundo empresarial é, ao mesmo tempo, o maior propulsor dessas mudanças e o mais afetado pelas novas tecnologias, que exigem novas soluções e posicionamentos.

Acesso à informação como produto

Grandes empresas são caracterizadas por trabalharem mais com o acesso do que com a venda ou posse de bens. Facebook, Google, Uber, são apenas alguns exemplos de empresas gigantescas e que oferecem serviços que não dependem de produtos materiais.

O Google é o maior parâmetro mundial dessa nova forma de fazer negócios que é constantemente abordada na ficção científica. E o mais incrível é que produtos são de acesso gratuito para qualquer pessoa. A ascensão deu-se pelo fato de que produtos se tornaram inevitáveis para uma forma de vida contemporânea. Já não é segredo para ninguém que empresas desse tipo comercializam gigantescas bases de dados. É por meio do reconhecimento de padrões humanos que a inteligência artificial fica cada vez mais sofisticada e capaz de direcionar anúncios ao público.

Se a informação transformou-se na maior mercadoria do séc. XXI, ela é ao mesmo tempo extremamente valiosa. E não refere-se apenas dos bancos de dados de gigantes, fala-se até mesmo de empresas menores que armazenam dados importantes em sistemas digitais na nuvem.

Essa forma de fazer negócios abriu possibilidades infinitas para empreendedores do mundo todo e fez surgir mercados até então inéditos. O marketing de conteúdo, por exemplo, toma forma a partir da posição que as empresas aparecem em buscas na internet, garantindo a visualização da marca por seu público-alvo.

Se a informação é valiosa, exige segurança.

A segurança sempre foi uma das principais áreas de atuação de qualquer negócio. Grandes empresas acostumaram-se a investir em pessoal, instalação de câmeras, alarmes e sistemas sofisticados para garantir que espaços físicos não fossem invadidos, roubados ou mesmo que informações sensitivas do mundo dos negócios não fossem cair em mãos indevidas.

O ponto é que na “era da informação” os dados armazenados na internet são tão valiosos quanto os produtos oferecidos. Consegue-se imaginar a quantidade de tecnologia e dinheiro despendido na proteção de sistemas de grandes corporações financeiras, como o NuBank e outras soluções que trabalham diretamente com dinheiro?

A ficção também acompanhou o processo, seja para imitar ou ser imitada pelo mundo real. Na aclamada série Mr. Robot enxerga-se de perto a interação entre uma empresa de segurança da informação que é alvo de diversos ataques de hackers. Um dos motivos da série ser tão aclamada é justamente o fato de que os ataques e riscos de brechas em sistema de informação são baseados na realidade.

Mesmo sistemas robustos podem conter falhas, especialmente quando o assunto são transações financeiras e de documentos sensitivos. Em um mundo permeado de disputas quanto a informação, toda e qualquer empresa precisa cuidar para que seus sistemas digitais recebam a atenção e o investimento devido em segurança.

A segurança na área da informação é essencial para qualquer empresa

Pode-se visualizar o mundo corporativo de hoje como um grande e sério jogo. Afinal, investir em uma Startup é apostar em um risco, em busca de crescimento escalável. Não é à toa que os empresários que movimentam vários nichos do mercado são chamados de players. E assim como todo jogo é preciso criar estratégias, desenvolver comprometimento da equipe e capacidade de gestão de diversos fatores simultâneos.

Nesse sentido, qualquer empreendedor que pretende crescer precisa de atenção dobrada à segurança da informação. E isso não deve ser visto apenas como mais uma tarefa ou obrigação a ser cumprida na estratégia da empresa. Pelo contrário, a estratégia de segurança deve ser vista como uma excitante parte do processo de crescimento, algo a se orgulhar e que demonstra que a empresa está superando os adversários na maturidade da gestão de seus recursos e ações.

Uma opção estratégica é encontrar parcerias de peso. Um dos exemplos brasileiros é a EFCAZ, uma startup que oferece um sofisticado sistema de gestão de compliances, gestão de fornecedores e assinaturas digitais. Uma solução como essa é ideal para empresas que buscam dinamizar a segurança e os processos com economia de material, tempo e dinheiro e, além disso, com segurança garantida. Soluções, como um CRM integrado, são capazes de unir a gestão organizacional da empresa com uma boa estratégia de segurança e economia.

A novidade da solução da EFCAZ tem a ver com um processo de segurança digital que não olha apenas para a proteção de dados de arquivo, mas da própria dinâmica de fechar um negócio online. Trata-se de um mundo globalizado, no qual grandes parcerias são feitas a distância e contratos são assinados e compartilhados via internet. Garantir a privacidade dos dados em um sistema de gestão significa estar a frente na agilidade e no uso da tecnologia para fazer crescer a empresa.

Um dos motes mais importantes da ficção científica diz “o futuro é agora”, mas esse é um futuro que todos têm a responsabilidade de construir. Essa é uma mensagem simples mas que exige o compromisso dos empreendedores de reconhecerem a segurança como um fator indispensável da invenção do futuro.

Comentarios

Comentarios

Copyright © 2015 WEspanha. Todos os direitos reservados