Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Dicas para conquistar um investidor

Dicas para conquistar um investidor
16:05 pm ,12 de julho de 2019

Em cinco anos passou de 3,4 milhões para 5,2 milhões o número de jovens empreendedores brasileiros entre 18 e 24 anos que buscavam informações para ter um negócio ou que já tinham uma empresa com até três anos e meio de mercado. O dado é um comparativo do relatório executivo Global Entrepreneurship (GEM) entre os anos de 2013 e 2018.

Quem faz parte dessa realidade são os “filhos da internet”, a nova geração de jovens brasileiros que são fãs de tecnologia e dominam o assunto como ninguém. Tamanha proximidade desperta interesse pela carreira que direciona ainda para o caminho do empreendedorismo. Mas o empreendedorismo é composto de diversas fases e uma delas é a busca por investimentos e muitos não sabem como efetuar essa busca de forma bem sucedida.

Antes de iniciar a busca por investimento alguns pontos devem ser abordados, sendo estes dois:

O que tem valor é a execução e não somente a ideia

Quando possível, o melhor é tirar a ideia do papel – seja por meio de um protótipo ou de validações – antes de buscar por um investidor, pois assim a noção do que é o negócio, como ele opera e qual sua relação de tempo versus resultado já estará bem claro na cabeça do empreendedor e estas são perguntas básicas que qualquer investidor precisa saber antes de investir em um negócio.

Estar no radar

Participar de atividades que envolvam investidores e startups é necessário para a criação de relacionamento, pois o networking é fundamental na construção de confiança e credibilidade frente ao mercado e seus investidores.

Depois de ter os dois pontos acima alinhados ao negócio, inicia-se a fase da busca por investidores e nela é necessário a criação de um pitch, ou seja, na apresentação do projeto ao investidor. Abaixo, cinco pontos que devem ser abordados no pitch, para que este chame a atenção:

01- Compreender o problema e a solução que estão sendo criados

Quanto maior o problema enxergado, mais os investidores entenderão que é preciso um grau maior de instrução e competência para outros competidores entrarem no mercado. Portanto um problema de maior escala e proporção, chama mais a atenção do investidor.

02- Entender qual é o tamanho do mercado

A solução não deve ser genérica, deve apresentar um público ao qual ela atenda. Mas é necessário que a solução apresentada seja escalável, pois um problema gigante pode atender apenas um nicho, um setor específico de mercado.

Usar matérias de canais como Pequenas Empresas Grandes Negócios ou Exame pode servir de embasamento para a proposta, indicando características do mercado visado, quantas pessoas ele atende e o quão escalável ele pode ser.

03- Ter claro qual é o diferencial da solução perante o mercado

Criar algo do zero hoje em dia é um grande desafio, até porque várias cabeças pelo mundo podem estar pensando em soluções semelhantes para diversos problemas, portanto ter claro qual o diferencial do projeto apresentado frente aos demais é um ponto que deve ser apresentado de forma clara em qualquer apresentação para investidores.

04- Entregar o potencial de crescimento do negócio

Além do tamanho do mercado, o potencial, a curva de crescimento do negócio deve ser apresentado mostrando em que ponto se encontra o projeto criando novamente paralelos com portais nacionais e internacionais para criar uma conexão e autoridade sobre a proposta apresentada.

05- A mensagem não é transmitida apenas por palavras

O comportamento do empreendedor que apresenta o pitch é tão importante quanto o conteúdo do mesmo. Ensaiar a apresentação diversas vezes antes de fazê-la para qualquer investidor constrói auto confiança e segurança no locutor, além de se fazer necessária a apresentação para família, amigos ou qualquer pessoa que possa trazer um feedback sobre o que foi montado e como foi apresentado para a melhoria dos mesmos.

Além disso, o brilho nos olhos de quem apresenta deve estar presente. O investidor está mais propenso a comprar a ideia de quem realmente acredita no potencial da mesma e que mostra que lutará com toda sua vontade para fazê-la acontecer, que tem a ambição de querer fazer e levar sua ideia a um novo patamar.

Conhecido como o lar do empreendedorismo mundial, o Vale do Silício possui um mindset aberto para novas ideias, por isso é muito comum conseguir uma primeira reunião de negócios. Portanto o pitch deve estar sempre atualizado e pronto a ser apresentado em qualquer situação. Algumas empresas como a IIN (Imersão Internacional de Negócios) trabalham para levar empreendedores e empresários à região para que conheçam sua forma de fazer negócios.

Comentarios

Comentarios

Copyright © 2015 WEspanha. Todos os direitos reservados