Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Empresas do setor eletroeletrônico esperam ampliar produção em 2017

Empresas do setor eletroeletrônico esperam ampliar produção em 2017
16:00 pm ,3 de abril de 2017

Uma sondagem feita com associados da Associação Brasileira da Indústria Eletroeletrônica (Abinee) em fevereiro indicou que a maioria das empresas espera aumentar sua produção em 2017. De acordo com a pesquisa, 45% das consultadas acreditam na ampliação da atividade industrial este ano. Deste total, 10% das empresas têm a intenção de realizar o aumento no primeiro trimestre; 35%, no segundo trimestre e 55%, no segundo semestre de 2017.

image002

Vendas
O levantamento também indicou melhora nas vendas e encomendas do setor. De acordo com a sondagem, 37% das consultadas apontaram crescimento nas vendas em fevereiro, em relação ao mesmo período do ano anterior. Outras 37% indicaram queda no indicador.

Segundo a Abinee, esta foi a primeira vez, desde janeiro de 2015, que o percentual de empresas com queda nas vendas não foi superior ao das que obtiveram crescimento.

A sondagem também indicou melhora nos estoques de componentes e matérias-primas e de produtos acabados. No primeiro caso, notou-se nos últimos três levantamentos, redução nas indicações de empresas que estavam com estoques acima do normal, que passaram de 26%, para 21%, e 20%. No caso de produtos acabados, as indicações de estoques elevados caíram de 25%, na pesquisa de janeiro, para 17%, na última sondagem.

Para o presidente da Abinee, Humberto Barbato, o resultado vai ao encontro do Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI), divulgado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), que apontou, em março, o aumento da confiança do setor produtivo. “Os recentes indicadores demonstram que iniciamos uma tendência de recuperação”, afirma.

Barbato destaca também a melhora no nível de emprego do setor eletroeletrônico. O percentual passou de 5% para 10% na sondagem de fevereiro. Conforme dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados do Ministério do Trabalho (CAGED), o total de empregados do setor eletroeletrônico cresceu 2.716 vagas nos últimos dois meses, com aumentos seguidos em janeiro (+1.814) e fevereiro (+902), encerrando este bimestre com 235,5 mil funcionários. Em dezembro de 2016, eram 233 mil funcionários.

Comentarios

Comentarios

Copyright © 2015 WEspanha. Todos os direitos reservados