Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

Scroll to top

Top

Empresas familiares e o segredo do sucesso nos negócios

Empresas familiares e o segredo do sucesso nos negócios
11:00 am ,20 de julho de 2016

Companhias com perfil familiar estão presentes em grande parte dos países do mundo, exercendo um papel importante na movimentação do mercado, uma vez que acabam se tornando sinônimo de tradição no segmento em que atuam. Mas, qual o segredo do sucesso? A frente de redes familiares no setor de franquias, líderes falam sobre como se reinventar ao longo de décadas de operação e dão dicas sobre como se consolidar e manter a saudabilidade do negócio.

Vestuário
Fundada pelo Nissim Hara, em 1966, a HOPE conta hoje com a participação da segunda geração da família, formada pelas filhas do empreendedor: Karen Hara Sarfaty, Sandra Hara Chayo e Daniela Hara Chammah. Com 50 anos de história, a empresa tem 161 lojas e foi a primeira do segmento a adotar o modelo de franquias no Brasil. As herdeiras da marca assumiram funções definitivas na organização em 1999 e têm como prioridade garantir a continuidade do legado construído pelo pai delas. “Nenhuma de nós tem planos de assumir o comando da empresa quando nosso pai deixar o cargo. Estaremos atuando no conselho e em comitês executivos, mas acreditamos que alguém de fora com experiência de mercado pode agregar ainda mais à empresa”, afirma a diretora de marketing da marca, Sandra Chayo.

Já a Rabusch, especializada em vestuário feminino, surgiu em 1986, quando a bancária Loiva Regina Debus decidiu, junto com seu marido Alcides Debus, comprar uma loja de um amigo para melhorar a renda mensal da família. No início, Loiva começou operar a unidade sozinha e, depois de alguns anos, a marca acabou se tornando um empreendimento familiar quando Alcides começou a se dedicar 100% ao negócio e dar início a expansão da marca. Atualmente, as três filhas do casal: Kátia, Karen e Karolina trabalham na empresa, onde exercem cargos nas áreas de planejamento estratégico, gerência de marketing e área financeira. “É desafiador e gratificante gerir a marca ao lado da família, e já pensamos em preparar nossas filhas para a transição”, afirma, Alcides Debus, presidente da rede.

Confecção e Moda
Há 36 anos a frente da Sigbol Fashion – rede de franquia especializada em cursos profissionalizantes de confecção e moda -, Aluizio de Freitas passou a fazer parte da empresa criada pelos pais a partir da descoberta da metodologia Sigbol (Siga as bolinhas e seu molde estará pronto), desenvolvida pela italiana Elvira Nunari, e, desde 1996, assumiu o cargo de diretor. O executivo assumiu o comando da companhia após passar por diversas áreas da empresa. “Conhecer os departamentos nos deu uma ótima visão sobre o negócio. Eu, por exemplo, comecei fazendo alguns desenhos para as apostilas dos cursos, uma espécie de arte-finalista”, conta Aluizio. Atualmente, a rede conta com 19 unidades em operação, oferecendo cerca de 30 modalidades de aula.

Outra rede com gestão familiar é a Arranjos Express – especializada em serviços de reparo e customização de roupas e itens de têxtil e lar – fundada pelo português Paulo Alexandre. O empresário, hoje com 50 anos, já se preocupa em preparar seus filhos mais velhos, Guilherme e Miguel, para assumir projetos na empresa e, no futuro, estarem aptos a assumir a gestão da companhia. “Minha ideia é fazer com que essa transição ocorra com calma, de forma que eles conheçam cada etapa do nosso negócio antes de assumirem a liderança de fato”, explica. Hoje, morando em Portugal e formado em Gestão de Empresas, Miguel já é o braço direito do pai na administração das 30 lojas no país, enquanto Paulo fica no Brasil acompanhando de perto as 52 unidades e a expansão fruto da internacionalização da empresa.

Alimentação
A história do fundador da Patroni, Rubens Augusto Junior é de sucessão, há mais de 30 anos, o empresário montou uma pizzaria para o seu pai que estava com depressão e precisava trabalhar. O negócio começou como um hobby e teve muito sucesso com um crescimento avassalador. Nos dias atuais, a rede está com mais de 192 lojas por todo país e, Rubens começou a sua própria sucessão preparando seus dois filhos mais velhos, que são formados em Economia e Direito para ocupar seu cargo na marca. Ambos trabalham na Patroni e começaram de baixo, passando por vários postos para assim crescer na empresa e conhecer todos os departamentos e funções.

Comentarios

Comentarios

Copyright © 2015 WEspanhaTodos os direitos reservados