Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Entenda melhor como funciona a depilação a laser

17:12 pm ,27 de julho de 2017

A depilação a laser é a destruição do pelo através do calor. A luz emitida passa através da pele e é seletivamente absorvida pelo pigmento localizado no pelo (melanina). Essa energia é transformada em calor, que chega a 60°, o que destrói os folículos dos pelos.

Pacientes de pele clara, pelo escuro e espesso são os que apresentam melhor resultado. Porém a depilação a laser é indicada para quase todos os tons de pele, incluindo as negras. O tratamento em peles escuras é mais demorado, mas possível. Apesar do laser ser atraído pela cor e de as peles negras possuírem maior quantidade de melanina (substância que dá o tom à pele), os equipamentos apresentam um mecanismo de regulagem do comprimento e da intensidade da luz, permitindo o uso na pele morena ou negra.

É importante esclarecer, no entanto, que qualquer tipo de depilação a laser é indicada somente para pelos escuros. A pouca concentração de melanina nos pelos loiros e ruivos faz com que o tratamento se torne ineficiente. Da mesma forma, nas regiões do corpo que já apresentam pelos brancos, apenas os fios escuros serão atingidos.

Quantas sessões são indicadas?
São necessárias em média 8 sessões, com intervalo de 30 a 40 dias entre as sessões. Após essas oito sessões o paciente entra na fase de manutenção, onde as sessões serão definidas conforme a necessidade, podendo ser de 3 em 3 meses, 6 em 6 ou até 1 vez ao ano.

A depilação a laser é um procedimento é definitivo?
A depilação a laser apresenta uma importante redução da densidade pilosa, pois aqueles bulbos que foram destruídos não produzem mais pelos, mas não se consegue alcançar redução total, pois o organismo produz novos folículos pilosos ao passar do tempo. Mulheres produzem cerca de 10 a 20% de bulbos e pelos novos em 2 anos e homens cerca de 15 a 30%.
A eliminação se dá em torno de 90% dos pelos ao final do tratamento, o que gera praticidade e até mesmo solução dos pelos encravados.
Pacientes com alterações hormonais, como ovário policístico podem produzir pelos mais precocemente.

Cuidados necessários
Após a realização do procedimento é ideal é evitar a exposição direta ao sol logo após as sessões de depilação e não realizar o tratamento em peles bronzeadas, devido a melanina estar ativa, assim podem ocorrer casos de queimaduras.
Além disso, durante os intervalos das sessões os pacientes não devem utilizar cera depilatória, pinças ou descolorante nos pelos. Deve-se fazer somente o uso de lâmina porque este procedimento preserva a raiz do pelo.

Contraindicações
A depilação a laser não é indicada para pessoas que tem os pelos muito finos e claros/ brancos, pessoas com histórico de queloide e no caso de qualquer dermatite em atividade. Além disso, vale ressaltar que o procedimento também é contraindicado para mulheres durante o período de gestação e pessoas durante o uso de Ruacutan/Isotretinoína, pois o medicamento faz com que a pele se recupere de maneira mais demorada.

Você encontra os vídeos dos outros procedimentos realizados por Alessandra Espanha no nosso canal do Youtube.

Agende seu horário.

Barp Centro Estético
35 3015.0066
Rua Argentina, 70 – Vila Pinto
Varginha
facebook.com/barpcentroestetico
Instagram: @barpcentroestetico

Comentarios

Comentarios

Copyright © 2015 WEspanha. Todos os direitos reservados