Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

Scroll to top

Top

Geração Z aumenta uso do crediário em 22,22% no Sudeste

Geração Z aumenta uso do crediário em 22,22% no Sudeste
11:00 am ,23 de setembro de 2016

Em tempos de dinheiro escasso, os jovens de até 20 anos visualizam no crediário um meio vital para não deixar o consumo de lado: na busca por adquirir bens ou novas experiências, eles aumentaram sua representação no mercado de compras no crediário e hoje já constituem 11% desse universo (alta de 22,22% em agosto ante o resultado do mês anterior), como aponta a Pesquisa Nacional sobre Liquidação de Crediário realizada pela MultiCrediário, serviço oferecido pela MultiCrédito. De acordo com os dados, mesmo com a volta às aulas os jovens aumentaram o volume de gastos por pessoa, atingindo tíquete médio de R$ 363,00 durante o mês (alta de 22,63% sobre os R$ 296,00 gastos em julho).

Alimentação, Combustíveis e Saúde lideram volume de cheques honrados no Sudeste
Com o aumento contínuo do desemprego e o cenário de recessão econômica mantido, brasileiros da Região Sudeste dispensam cada vez mais os gastos supérfluos para adquirir itens de primeira necessidade, como mostra a Pesquisa Nacional sobre Liquidação de Cheques realizada pelo TeleCheque, serviço oferecido pela MultiCrédito. De acordo com as informações apuradas, os segmentos líderes no volume de cheques honrados em agosto foram Alimentação (com 98,01%), Combustíveis (98,52%) e Saúde (98,43%). Ainda segundo dados da pesquisa, as mulheres foram as principais responsáveis pelos gastos honrados durante o mês, com índice de 96,39%.

Sobre a Pesquisa TeleCheque
A pesquisa é feita com base nos valores das transações em reais monitorados pelo serviço TeleCheque em diversos segmentos, como alimentação, automotivo, calçados, combustíveis, educação, eletroeletrônicos, joalheria e bijuterias, magazines e lojas de departamentos, máquinas e peças, material de construção, móveis, decoração e artigos para o lar, produtos, saúde, serviços, turismo, entretenimento e vestuário. São monitorados aproximadamente 10 mil pontos de venda distribuídos em 890 municípios do País, com exceção dos Estados do Acre, Rondônia, Amapá, Roraima e Tocantins.

Comentarios

Comentarios

Copyright © 2015 WEspanhaTodos os direitos reservados