Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

Scroll to top

Top

Saiba como fazer um plano de marketing em 8 passos

Saiba como fazer um plano de marketing em 8 passos
11:11 am ,17 de agosto de 2016

por Diego Carmona

Ao contrário do que muitas pessoas imaginam, planejar é uma ação indispensável na elaboração de qualquer estratégia de marketing bem-sucedida. Além de facilitar a execução das ações táticas, o planejamento é fundamental para avaliar e aprimorar a sua performance e, consequentemente, aumentar o retorno sobre o investimento.

Imagine realizar uma viagem sem planejar os principais roteiros que pretende visitar, por exemplo. Certamente você perderá tempo e dinheiro ao negligenciar o planejamento antes de decolar. No marketing não seria diferente; é preciso se preparar antes de colocar a mão na massa. Além de otimizar tempo, você aumenta as chances de alcançar resultados expressivos.

Por isso, recomendamos que você documente as suas estratégias cuidadosamente para criar ações que tragam resultados! Mas, afinal, como fazer um plano de marketing bem estruturado? A seguir, vamos te mostrar os principais elementos que não podem faltar no seu planejamento. Acompanhe:

1 – Comece pelo diagnóstico do cenário atual
O diagnóstico da situação atual do seu negócio é imprescindível já que, por meio dele, será possível identificar as ações que não trouxeram resultados positivos, as estratégias bem-sucedidas, entre outros aspectos.

Essa coleta dos dados internos é muito valiosa para dar sequência ao planejamento, ou seja, para entender quais estratégias devem ser abortadas imediatamente e onde estão as melhores oportunidades a serem exploradas.

2 – Defina os objetivos para acertar em como fazer um plano de marketing
Para quem não sabe aonde quer chegar, qualquer caminho serve. Então, fique atento e estabeleça os seus objetivos logo no início do planejamento. As metas se dividem em duas categorias.

O objetivo geral é aquele macro. Exemplo: “Aumentar a percepção de valor da persona referente aos produtos e serviços oferecidos” ou “Aumentar as vendas”. Já os objetivos específicos se concentram em ações menores para atingir o propósito mais amplo, como: “Elevar o número de visitantes no site ou gerar leads”, entre outras ações.

3 – Aplique o Benchmarking

O Benchmarking é um recurso muito utilizado por diversas empresas dos mais variados segmentos para extrair o melhor da concorrência e identificar os pontos que podem ser aplicados a seu favor.

Estudar os seus concorrentes é importante para avaliar a atuação deles com relação a diversos aspectos (os produtos e serviços oferecidos, o atendimento praticado, as estratégias de marketing) e outros pontos que julgar interessante.

Desse modo, você tem a oportunidade de observar os pontos positivos e negativos das estratégias executadas para retirar insights poderosos e adaptar ao seu negócio.

Para isso, é fundamental identificar os concorrentes de excelência, relacionar os pontos que serão estudados, definir como esses dados serão coletados, analisar as métricas, comparar ao seu negócio e identificar o que pode ser melhorado a fim de implementar rapidamente.

4 – Defina a sua persona
Conhecer o seu público-alvo é relevante, mas identificar a sua persona é essencial. A diferença é que, na definição do seu público, as informações são muito superficiais e voltadas somente aos dados demográficos. Na criação de uma persona, por sua vez, as informações comportamentais são muito valorizadas.

Com base nesse personagem semifictício do seu cliente ideal, fica mais fácil entender quais estratégias serão mais eficientes ao longo do seu plano de marketing.

Além disso, a definição de uma persona permite que você abandone a comunicação em massa para aplicar o marketing one to one (um a um). Dessa forma, certamente as chances de gerar negócios vão aumentar. Ou seja, quanto mais você entender as necessidades da sua persona, mais próximo você estará de transformá-la em um cliente fiel.

5 – Crie as melhores estratégias para o seu planejamento
A construção das estratégias acontece principalmente a partir dos objetivos traçados no início do plano de marketing. Do marketing tradicional ao Inbound Marketing, abuse da sua criatividade e crie estratégias extraordinárias!

Também é importante estabelecer um cronograma para execução dessas táticas. Ele deverá conter informações sobre as tarefas que devem ser realizadas, o responsável por cada ação e prazo estimado para execução.

O cronograma é peça-chave para não se perder em meio a tantas ações do dia a dia, sem falar que ele está em sinergia com os objetivos. Então, cada ação, por menor que seja, estará no caminho ideal para alcançar os resultados esperados traçados anteriormente.

6 – Acompanhe a execução de cada estratégia
Chegou a hora de tirar as suas ideias do papel e colocar a mão na massa. Se certifique de que todas as ações estão sendo feitas conforme orientado no plano de marketing para conseguir medir de forma precisa cada resultado. O planejamento tem um grande papel no sucesso ou fracasso das suas ações, no entanto, é preciso analisar como essas estratégias serão realizadas.

Por isso, monitore a execução de cada ação e acompanhe o cronograma para garantir que os prazos sejam cumpridos e as estratégias sejam executadas da melhor forma possível.

7 – Avalie o seu desempenho por meio da mensuração de resultados
Avaliar a sua performance é fundamental se você pretende maximizar os resultados. Defina as métricas mais relevantes para o seu negócio, afinal, nem tudo que pode ser medido serve para você.

A partir daí, analise cuidadosamente os pontos positivos e negativos para aperfeiçoar as suas ações sempre em busca de resultados mais positivos. É fato que, quanto mais rápido você perceber um equívoco nas suas ações, mais tempo você otimizará nessa etapa de aprimoramento. Fique atento!

8 – Atualize o seu plano de marketing sempre que necessário
Periodicamente é interessante revisar e atualizar o seu planejamento com base na mensuração de resultados. Pode ser que uma estratégia que era muito eficiente no último trimestre não seja mais tão efetiva no contexto atual. Por isso, se mantenha conectado para perceber rapidamente possíveis alterações no mercado que vão refletir no seu plano de marketing e altere-o imediatamente!

Lembre-se de que planejar é definir objetivos e os meios para alcançá-los, afinal, sem planejamento qualquer resultado é aceitável e isso pode causar danos irreversíveis. Portanto, invista tempo para planejar as suas ações e garanta resultados fantásticos.

Comentarios

Comentarios

Copyright © 2015 WEspanhaTodos os direitos reservados