Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

Scroll to top

Top

Vendas no varejo de material de construção sobem 1% em maio

Vendas no varejo de material de construção sobem 1% em maio
15:00 pm ,3 de junho de 2016

As vendas no varejo de material de construção cresceram 1% no mês de maio, na comparação com abril deste ano. O desempenho ficou 1% acima do registrado em maio de 2015. No acumulado do ano, o setor apresenta queda de 11%, já nos últimos 12 meses, a queda acumulada é de 14%.

Os dados são do estudo mensal realizado pelo Instituto de Pesquisas da Anamaco. O levantamento ouviu 530 lojistas, das cinco regiões do país, entre os dias 25 e 31 de maio. A margem de erro é de 4,3%.

Por conta do desempenho do setor nos primeiros cinco meses do ano, a Anamaco está revendo a expectativa de crescimento em 2016 de 6% para 3%, sobre 2015.

“Estamos passando por um momento de retomada de obras e de manutenção predial, mas de forma bastante irregular. O consumidor ainda não está 100% confiante para voltar a investir em reformas e novas obras, mas há a necessidade de readequar imóveis usados, ou porque estão à espera de novos inquilinos ou porque ficaram vazios. O número de divórcios e de casamentos também afeta o nosso setor diretamente e, nos últimos quatro anos eles têm crescido e batido recordes, mas ainda estamos enfrentando uma resistência do consumidor, que está preocupado com o atual cenário econômico e, portanto, está freando novos investimentos, principalmente em função dos estonteantes juros praticados pelo cheque especial dos bancos e pelos cartões de crédito, que estão acima da média de 12% ao mês, chegando a absurdos 700% ao ano em faturas atrasadas. As reformas estão acontecendo, mas não na escala necessária ”, explica Cláudio Conz, presidente da Anamaco.

Segundo o estudo, a região Norte apresentou a maior variação positiva no mês, de 11%, seguida pelo Nordeste (4%), Sudeste (3%) e Sul (2%). Já o Centro-Oeste apresentou variação negativa de 3%.

Entre as categorias pesquisadas no mês, louças e metais sanitários foram as com melhores desempenho, crescendo 7% e 4% respectivamente. Revestimentos cerâmicos tiveram alta de 2% no período, já tintas, telhas de fibrocimento e fechaduras e ferragens não apresentaram variação.

Cresce otimismo com o Governo

De acordo com o levantamento, 52% dos entrevistados esperam que o mês de junho seja melhor do que maio, o que já reflete o aumento do grau de confiança no Governo, que subiu de 34% para 52% no período. “O encaminhamento da solução política está afetando diretamente o setor. Apesar do Governo Federal ter anunciado cortes no programa Minha Casa Minha Vida, especialmente àqueles com faixa de renda familiar até R$1.800, a entrada de capitais estrangeiros nos primeiros cinco meses do ano foi muito superior ao mesmo período do ano passado. A expectativa é que novas medidas de liberação crédito comecem a irrigar as vendas no comércio nos próximos meses”, declara Conz.

A pesquisa também indicou uma queda de 3% na intenção de contratação de novos profissionais, com relação ao mês passado, mas o índice varia de região para região e é mais positivo no Norte de Nordeste, que apresentaram os melhores desempenhos de venda no mês.

Em Machado, você encontra as melhores opções para a reforma da sua casa e escritório na Casa Nova, loja associada da Rede Construai. A loja está localizada na Rua Joaquim Francisco Soares, 163 – Centro. Venha fazer uma visita!

Comentarios

Comentarios

Copyright © 2015 WEspanhaTodos os direitos reservados