Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Confira 5 dicas para o seu e-commerce sair no lucro neste Black Friday

Confira 5 dicas para o seu e-commerce sair no lucro neste Black Friday
11:45 am ,14 de novembro de 2019

Falta pouco para a Black Friday 2019, que será realizada no dia 29 de novembro. Apesar do momento de crise econômica no país, as expectativas de vendas são positivas. De acordo com pesquisa do Busca Descontos, idealizador do evento no país, a data deve movimentar R$ 3,15 bilhões no e-commerce brasileiro, o que representa um crescimento de 21% em relação ao total faturado no ano passado.

Para os varejistas e clientes, a Black Friday já é uma das datas mais esperadas do ano. Sidney Zynger, diretor de Marketing e sócio do Bling (www.bling.com.br) – startup que oferece sistema de gestão empresarial para PMEs e MEIs -, separou uma lista de ações fundamentais para os empreendedores aproveitaram o período da melhor forma.

Confira algumas dicas do diretor do Bling:

1. Organize seu estoque

Antes de sair anunciando promoções de Black Friday, organize o estoque do seu e-commerce. Conte todos os produtos e confira se as quantidades estão corretas. Desta forma, você evita vender produtos que já estão esgotados ou deixar mercadorias encalhadas no seu estoque.

Além disso, o momento de organização do estoque vai te ajudar a identificar, por exemplo, aqueles produtos que tiveram vendas abaixo do previsto. Assim, é possível pensar em uma promoção para dar vazão a eles na Black Friday.

2. Identidade visual para a Black Friday

Faça com que o cliente se sinta no clima da Black Friday. Crie uma identidade visual única e atrativa para a data e a implemente em todos os canais de relacionamento com o cliente, como e-commerce, apps, e-mails, redes sociais e pontos de atendimento físico. Especificamente para o e-commerce, capriche no “look and fell”, com um novo template ou landing page personalizado.

3. Planeje a logística reversa

De acordo com o código do Consumidor, os clientes têm até 7 dias após o recebimento dos produtos para se arrepender da compra. Como na Black Friday o número de pedidos deve aumentar – e você deve vender para novos clientes, a probabilidade de que haja trocas aumenta.

Portanto, você deve estar preparado para receber os produtos devolvidos e enviar os novos. Este processo é chamado de logística reversa e tanto os próprios Correios oferecem serviços específicos para esses casos.

4. Reduza custos de logística e fretes

Ao negociar a compra de uma mercardoria, leve em consideração não somente o preço do produto, mas também do seu frete, que poderá encarecer todo o negócio. Buscar parceiros para a realização da entrega dos produtos é uma boa saída para economizar na logística e diminuir o tempo de frete.

5. Invista em gestão de negócios acessível para e-commerce

É cada vez mais comum que pequenos empresários gerenciem negócio por meio de um software integrado capaz de controlar os mais diversos setores, como emissão de boletos, estoque, financeiro, vendas, e-commerce, etc. Entretanto, os serviços de sistema de gestão empresarial (ERP) oferecidos no mercado ainda estão muito caros para a maioria dos PMEs e MEIs.

Pensando nisso, o Bling disponibiliza serviços e ferramentas de ERP de forma mais acessível para pequenos lojistas. A empresa está integrada às maiores plataformas de e-commerce e marketplaces do país é totalmente online e conta com um sistema frente de caixa (PDV) que atende as necessidades dos clientes, como agilidade no processo de atendimento ao cliente, configurável para controlar mesas e gerenciar a entrada e saída de caixa.

Comentarios

Comentarios

Copyright © 2015 WEspanha. Todos os direitos reservados