Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Custo de produção de leite cresce 2,7% em março

Custo de produção de leite cresce 2,7% em março
11:00 am ,30 de abril de 2018

De acordo com a Scot Consultoria, os custos da produção leitosa tiveram um aumento de 2,7% em março deste ano. A empresa aponta que desde 2016 não se via índice semelhante.

O motivo foi devido à alta dos preços limitados na primeira quinzena de março, sendo o milho, farelo de soja, suplementos minerais, fertilizantes e produtos para sanidade.

Em comparação ao mesmo período de 2017, os custos são 2,7% mais baixos para este ano. Se comparado anualmente, o índice vem abaixando. De acordo com a Scot, o custeio do leite foi maior no mês de março, o que otimizou 0,6 pontos percentuais, na comparação mensal.

Custo do leite

Segundo a Scot Consultoria, a cotação do leite pago aos produtores teve alta pela segunda vez e a empresa aponta a média de pesquisa realizada em 18 estados, ficando em R$1,079 por litros de leite sem cobrar o frete.

O valor médio teve aumento de 3,4% em relação ao pagamento anterior, que já tinha subido. Portanto o custo em vigor é de 5% abaixo comparado com o mesmo período de 2017.

Com menos matéria prima disponível, os valores dos produtos lácteos tiveram alta no atacado desde o início deste ano, apoiando a cotação na fazenda. O aumento dos preços na indústria foi puxado pelo leite longa vida.

Expectativa de alta no preço do leite

Um total de 73% dos laticínios pesquisados pela empresa estão confiantes na alta dos preços do leite ao produtor, enquanto que os outros 27% esperam por manutenção ao pagamento anterior.

A Scot afirma que 95% das indústrias no Sul, Sudeste e Centro-Oeste acreditam em um aumento nos custos do leite aos produtores. Eles esperam a alta dos preços até o mês de julho de 2018.

Para a empresa os aumentos nas colheitas de milho e da soja devem fazer com que cresça a disponibilidade dos insumos, de modo que poderá amenizar os preços para o produtor.

Aumento da produtividade gera oportunidade de emprego e necessidade de um sistema de gestão compatível

Com o crescimento da produtividade leitosa, muitas famílias veem a oportunidade de manter seus empregos, uma vez que muitas delas tiram seu sustento trabalhando para as indústrias lácteas. Os produtores estão convictos da melhora no aumento da produção do leite e na sua qualidade.

Pensando no crescimento da produtividade, muitas indústrias precisaram abrir novas contratações e investir em novos equipamentos e sistemas mais potentes e avançados em tecnologia, a fim de ofertar mais recursos para que sua equipe possa executar as atividades designadas a cada um.

Foi pensando nessa necessidade que a Magistech criou o sistema de gestão integrado empresarial, ideal para controlar todo o processo de produtividade leitosa de sua empresa. Além de administrar com grande eficácia e segurança todas as movimentações de seu negócio.

O sistema conta com diversas funcionalidades que incorporam inúmeras vantagens para sua indústria, permitindo maior controle de todos os processos, auxiliando na tomada de decisões.

A Magistech é uma empresa focada e especializada em diversos sistemas para qualquer segmento. Todos de ótima qualidade como o sistema de gestão integrado empresarial que facilita o trabalho de todos na empresa.

Comentarios

Comentarios

Copyright © 2015 WEspanha. Todos os direitos reservados