Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Recreação Infantil: a importância do brincar para as crianças

Recreação Infantil: a importância do brincar para as crianças
15:00 pm ,28 de outubro de 2019

No mundo atual, a presença cada vez mais esmagadora da tecnologia vem fazendo até com que o período da infância, fundamental no desenvolvimento de qualquer ser humano, tenha sido modificado por completo. Se, no passado, as crianças ficavam nas ruas até altas horas se divertindo entre amigos enquanto praticavam atividades – na maior parte do tempo – físicas, hoje uma grande parcela dos pequenos passa mais tempo na frente do smartphone ou tablet, sequer saindo na rua.

A tecnologia é, logicamente, muito bem-vinda e pode também trazer inúmeros benefícios para a saúde das crianças, por meio de jogos, por exemplo, que estimulam o lado cognitivo. Todavia, isso, por si só, não justifica permitir que elas permaneçam, praticamente, todo o tempo presas em casa em um mundo virtual. Se a tecnologia tem a sua importância, o lado recreativo, tem um ainda maior.

É por meio das brincadeiras que as crianças fazem seu primeiro contato com diversas emoções e situações que irão contribuir bastante para seu processo de amadurecimento. Seja lidar com a decepção de perder uma partida de futebol, o estímulo de ser competitivo, dedicado ao praticar qualquer esporte, bem como o respeito aos adversários ou o simples desenvolvimento do próprio corpo de forma saudável, as atividades recreativas são extremamente necessárias.

Há ainda um outro aspecto a se salientar: ao praticar atividades em grupo, os pequenos terão suas primeiras noções do que é ter um espírito de grupo, companheirismo e respeito ao próximo. Noções que, dificilmente, um jovem nessa faixa de idade poderia adquirir simplesmente navegando na web ou se divertindo com joguinhos estimulantes. A situação e bem mais preocupante do que parece, pois pode gerar uma falta de tato nas relações sociais posteriores das crianças que, mais cedo ou mais tarde, terão de ser expostas ao mundo.

Pesquisas recentes demonstram que crianças deveriam permanecer – no máximo – 30 minutos por dia conectadas aos smartphones, sendo que o uso excessivo pode causar danos além dos mencionados, como distúrbios do sono que, consequentemente, prejudicam não apenas o humor de cada um mas também o fator hormonal, que fica completamente desregulado e é essencial em uma fase de crescimento e desenvolvimento intensos como é a infância. A Sociedade Brasileira de Pediatria inclusive recomenda, que o primeiro contato das crianças com eletrônicos do gênero sejam realizados apenas após os 2 anos de idade.

Se você se preocupa com o bom desenvolvimento de seus filhos, o Santa Mônica Clube de Campo surge como um grande parceiro nessa empreitada. Em seu Complexo Lúdico, o Santa Mônica oferece oficinas, festas, jogos e inúmeras brincadeiras em amplo espaço, com os pequenos sempre acompanhados de profissionais competentes que cuidam de perto de seus filhos enquanto você realiza suas atividades no Clube. O Complexo possui áreas reservadas para cada faixa de idade, desde os recém-nascidos – no Berçário, às crianças de até 12 anos – na Ludoteca.

Contando com inúmeros brinquedos e atividades sempre diversificadas, é mais uma vantagem que o Santa Mônica dispõe aos seus associados. Garante sua diversão no Clube ao mesmo tempo em que você fica tranquilo sabendo que seus filhos estão bem acompanhados e aproveitando a melhor fase da vida de forma lúdica e alegre.

Comentarios

Comentarios

Copyright © 2015 WEspanha. Todos os direitos reservados