Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Wanderlust Mode On

Wanderlust Mode On
14:00 pm ,3 de maio de 2018

por Thais Tavares

Nessa semana, completamos dois anos em que estamos vivendo nesse paraíso tropical. Somos muitos gratos a todas as oportunidades e obstáculos que a Austrália nos oferece diariamente. Então para a coluna dessa semana, resolvi explicar sobre os tipos de visto disponíveis para quem pensa em passar um tempo no país, seja a estudos ou por turismo, e também para aqueles que tem um aventureiro dentro de si; a hora e agora!!! Lembrando que para entrar na Austrália, turistas e estudantes brasileiros necessitam de visto.

A aplicação do visto, bem como todas informações pertinentes para entrada do cidadão brasileiro na Austrália é um dos principais passos para realizar seu sonho. O mais indicado para quem nunca teve a experiência de sair do país ou analisar papeis do tipo e de procurar uma agência de viagens, para que o passo a passo da aplicação seja orientado corretamente.

O visto de estudante para a Austrália pode ser solicitado por aqueles que desejam estudar por mais de 14 semanas na Austrália, aproximadamente 3 meses e meio, para fazer curso de inglês ou participar de um programa de intercâmbio, cursos técnicos, graduação, pós-graduação ou mestrado. Independentemente do tipo de curso, a instituição de ensino australiana deverá estar autorizada pelo Governo a receber estudantes estrangeiros. A aplicação do visto é feita online através do sistema do departamento de imigração, no formulário 956A. É possível apresentar todos os documentos digitalizados e os mesmos devem estar em inglês. Os documentos necessários para a aplicação desse tipo de visto são: Formulário 956A preenchido e assinado, certificado de cursos pós-secundários, como cursos técnicos, graduação, pós-graduação, cópia (colorida e legível) de carteira de trabalho, cópia das páginas do passaporte com validade mínima de seis meses antes da viagem, cartão de intenção (uma carta que o aplicante faz a Embaixada Australiana explicando o porquê dessa viagem. Nessa carta deve conter todos os detalhes e suas intenções enquanto na Austrália), confirmação da matrícula escolar, Imposto de Renda completo, declarado ou isento, extratos bancários dos últimos 3 meses, últimos 3 contracheques ou holerites ou pró-labores ou DECORE (se empresário) ou RPA (se autônomo), comprovante escolar e/ou carta de licença do trabalho e passagem aérea (ida e volta).

Outro documento necessário e indispensável para a aplicação do visto e o exame médico, que deve ser feito em médicos credenciados com a Embaixada Australiana e só deve ser realizado após a solicitação da Embaixada, somente depois do envio dos demais documentos listados acima. Lembrando também, que após dos documentos enviados, o órgão poderá solicitar mais documentos, caso alguma situação nao fique claro a eles. O tempo mínimo de processamento do visto indicado pelo Departamento de Imigração da Austrália é de 40 dias (prazo sujeito a alteração nos períodos de alta temporada). É indicado solicitar o visto com 2 meses de antecedência da data início do curso na Austrália.

Durante o período acadêmico, os estudantes estrangeiros com visto de estudante podem trabalhar legalmente até no máximo 20 horas semanais.
Já o visto de turista para Austrália pode ser solicitado por aqueles que desejam fazer viagem para turismo ou para outras atividades recreativas, tais como: férias, passeios turísticos, razões sociais, visitar familiares e/ou amigos, assim como para outros fins a curto prazo, não incluindo negócios. O visto de turismo também poderá ser utilizado por aqueles que irão à Austrália para estudar por um período de até 12 semanas. Para cursos com duração até 12 semanas não é mais obrigatória a apresentação de exames médicos. Não é permitido nenhum tipo de trabalho para aplicantes desse visto.

O programa “eTourist” permite que brasileiros possam fazer todo o processo de solicitação do visto via internet. O visto tem duração de 1 ano, porém o tempo máximo de permanência no país para esse visto é de até 3 meses. Normalmente a resposta sai em 24 horas, mas em alguns casos pode demorar 30 dias. Caso seja aprovado, o turista receberá uma notificação por e-mail, que poderá ser impressa e levada na viagem. As informações do viajante estarão gravadas no sistema central de imigração australiano e vinculadas ao número de seu passaporte (diferentemente do norte-americano, por exemplo, o visto da Austrália não tem um “selo” colado nas páginas do documento).

Outra requisição muito importante da Embaixada Australiana e para entrar no país, é que todos os viajantes deverão ser vacinados contra a febre-amarela com pelo menos dez dias de antecedência à viagem. A carteira internacional de vacinação, adquirida nos postos credenciados, deve permanecer junto ao passaporte na chegada ao país.

Para mais informações detalhadas, entre no site da Embaixada Australiana no Brasil, pelo link que está abaixo e tire todas as suas dúvidas e também, entre em contato com uma agência de intercâmbios:

http://brazil.embassy.gov.au

Agora que o visto está pronto é só preparar as malas e vir conhecer essa maravilha que me encanta e me surpreende todos os dias!!!

Comentarios

Comentarios

Copyright © 2015 WEspanha. Todos os direitos reservados